Crítica: Normal People

Quarta-feira, 19 de julho de 2020                                                                                                                    Texto: Patrícia Piquiá

 

A minissérie de drama irlandês é baseada em livro de mesmo nome da escritora irlandesa Sally Rooney.

 

Normal people: Cuando las adaptaciones son tan buenas como los ...

 

A trama gira em torno dos adolescentes do último ano do Ensino Médio Marianne and Connell. Os dois moram em uma pequena cidade na costa da Irlanda. A mãe de Connel trabalha na casa de Marianne e por conta disso os dois se conhecem brevemente. Na escola eles frequentam algumas aulas juntos, enquanto Connell é um popular jogador de futebol galês, Marianne é uma garota inteligente e introvertida e vista como antissocial, por sempre retrucar seus professores e não conversar com ninguém na escola.

 

Baseada em best-seller, série 'Normal People' estreia no Brasil ...

 

A partir dos encontros frequentes os dois desenvolvem um romance secreto. Tem a primeira relação sem que ninguém saiba, um segredo entre os dois, já que os amigos de Connell parecem não simpatizar com Marianne. Por conta disso, Connell não assumi que está apaixonado por Marianne. Um dia essa antipatia de seus amigos só piora e Marianne sofre muito bullying. Connell presencia tudo e não faz nada. A partir daí os dois se afastam. Ambos sofrem.

 

 

 

O Ensino Médio termina e Connell é aceito pela Trinity College e se muda para Dublin. Um dia quando Connell estava muito solitário reencontra com Marianne em uma festa. Ela agora tem muitos amigos e vida social agitada. A partir daí a trama gira em torno da relação dos dois.

 

Série Normal People chega ao Brasil pelo Starzplay - Notícias ...

 

A série é muito linda e delicada com cenas de sexo muito próximas da realidade explora muito o primeiro amor, as dificuldades de se aceitar, privilegio, relações abusivas e transição para a vida adulta.  Você não consegue parar de ver, a todo momento você torce para que os dois consigam se acertar, mas as impossibilidades reais vão os afastando e você se envolve cada vez mais, muito por conta da atuação dos jovens desconhecidos atores principais Paul Mescal e Daisy Edgar-Jones, mas muito competentes.

 

A produção fez muito sucesso no Reino Unido e Irlanda quando foi transmitida por lá em abril e não à toa. Tem 12 episódios de 30 minutos que quando acabam só nos deixam órfãos. Com certeza uma das melhores séries de 2020.

 

 

A série estreou dia 16 de julho no serviço de streaming Starzplay Brasil. 

 

 

Nota: 4,5 / 5,0